Homens sensíveis

foco no relevante

Show de pole dance no salão do automóvel

por Rafa*

Uma das coisas que mais admiro na vida é um homem heterossexual sensível. Não tô falando daquele tipo que fica babando em cima da mulherada com galanteios ridículos, muito menos daquela breguice de abrir a porta e pagar a conta.

São homens que têm sensibilidade, que conversam, por exemplo, sobre filmes delicados e que percebem as sutilezas. São poucas as mulheres que os notam e os fisgam a tempo. Mas sempre vai ter uma sortuda que vai perceber antes e ser invejada forever. É a vida. Seja esperta! Desenvolva seus talentos.

Bom, eu, como não tenho chances com homens héteros sensíveis (maiores explicações não se fazem necessárias), torço pra que minhas amigas os peguem. Sou generoso e estou sempre com o olhar atento. Sempre penso: esse fecharia bem com a fulana, aquele outro daria um belo homem pra cicrana e assim por diante. Mas até hoje não fiz nenhum casal nestes moldes. Sigo tentando.

Falo sobre isso porque, depois de conhecer um homem hétero sensível, trocar várias idéias com ele e voltar a acreditar na humanidade, tive que me mandar pro salão do automóvel de sp pra ir atrás do turismo testosterona. Ou seja: mulherada.

Não sei o que foi pior: uma empresa oferecer show de pole dance no evento que se presta para mostrar as novidades do setor automobilístico ou a multidão de machos (?) formada pra assistir ao espetáculo, que se propunha a não cair na vulgaridade da boate. A-ham. Imagina se esse fosse o objetivo.

Socorro senhor. Tenho muita pena das minhas amigas.

Não que eu esteja em melhores lençóis. Muito pelo contrário. A cretinice masculina se repete no mundo gay. Engana-se quem acha que saber escolher boas roupas (o que também nem sempre é verdade) e usar bons perfumes é sinônimo de sensibilidade.

No fundo, todos querem o mesmo tipo de carne. Bundão, peitão, no caso dos héteros, bundão, peitão, no caso dos gays. A história se repete minha amiga, mas entre as bichas a coisa fica até pior. Porque é só um lado da moeda. Mulher pode ser chata, mas é ela quem confere leveza e manda embora a vulgaridade de uma relação.

Mas a mulherada ultimamente não tem contribuído muito, vamos combinar. Mas isso é tema pra outra discussão.

O mais bacana, agora falando especificamente no meu caso, é quando a gente, andando por aí, acha um gay realmente sensível. E ele dá bola pra gente. E melhor, ele é bonito. A gente fica meio perdido, sem saber muito como agir, o que fazer.

Principalmente se ele for casado.

Cada um com a sorte que merece. Um bom começo de semana pra você.

* Rafa coleciona fracassos, mas sempre enxerga o lado positivo. Promete estar aqui às segundas.

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em homem phino, Rafa

3 Respostas para “Homens sensíveis

  1. É uma lei da natureza: homem sensível ou tem dona ou tem ex-dona (mais filhos se for hétero e over 30) e dor de corno. Sim, porque homem sensível não chuta, é chutado. E se está sozinho, é porque o corno ainda dói.
    Se ele chutar alguém para ficar contigo, então não era sensível. E, daqui um tempo, vai te chutar para ficar com outra pessoa.
    Posto isso, dispomos das seguintes alternativas:
    a) Encontre um exemplar jovem, ainda desimpedidos. Over 18, naturalmente
    b) Encontre um sensível chutado. E corra o risco de ele voltar para o ex
    b) Torne-se amante de um homem sensível
    c) Pare com essa bobagem e invista no tipo Chuck Norris

  2. ahahaha, me identifiquei com um trecho ali. beijo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s