London blue skyes calling

Por L’Andreis*

Era 2005. Cheguei da América Central sem saber como seria viver em Porto Alegre novamente: tinha deixado o emprego, estava sem namorado, e nem sabia do paradeiro dos amigos. Pra minha sorte, encontrei um grupo de jovens que me restabeleceram em algo que, confesso, sempre gostei: los ritmos de la noche.

O responsável por esses ritmos era um moço magro, com óculos de aros grossos que escondiam o rosto, voz e cabeça baixa e sempre com a mesma camiseta (por acidente, eu a rasguei em uma festa, mas, isso é outra história). Não sabia como ele tinha chegado no reino das pick ups, mas, ao que parecia, ele já era um DJ estabelecido com seus 18 ou 19 anos. Gabriel Machuca era o nome de guerra de Gabriel Bestetti, que, nesta época, morava em Gravataí e tinha que enfrentar o trânsito até a Grande Porto Alegre toda a manhã depois de fechar o Beco 203, aquele que ficava em baixo do viaduto da João Pessoa.

Eu soube depois, por ele, que o apelido Machuca veio por ter dito o nome daquele filme chileno “Machuca” de um jeito peculiar em frente aos seus amigos. Amigos esses que eu me orgulho de dizer que também são meus. Como o próprio Gabriel, acompanham os melhores em astúcia e sarcasmo, indicam onde será a noite, e ainda entendem de música como ratinhos de internet que são.  Posso sempre contar com eles pra ouvir a música que “fale da minha situação” quando eu preciso de um conselho em forma de melodia e, volta e meia, deixam eu entrar no Beco de graça. Ah, me tiram da fila também, me resgatando como aquela gordinha do grupo que sempre fica pra trás, mas é de casa.

Neste sábado, Gabriel vai voltar para o lugar de onde ele saiu: Londres, Inglaterra. Não, ele não nasceu lá. Pelo menos não o Bestetti, mas o Machuca sim. Foi lá que ele firmou a compulsão por bandas novas e velhas e, a partir daí, marcou POA com o estilo dele, sim, são as mesmas músicas que ele ouve em casa. Não que ele não faça concessões. Ele é um profissional e tem que estar de olho no que o público dança. Sábado o vi trabalhando. Quando ninguém dançava Franz Ferdinand, ele achou o tom certo pra pista, não sem antes conferir se tinha ou não gente chegando.

Foram mais ou menos cinco anos consagrando as bandas que ele queria, flertando com as melhores meninas da cidade, tornando suas musas outras tantas, acordando às cinco da tarde, e comendo um saco gigante de cheetos como única refeição do dia. De minha parte, foram cinco anos sendo íntima do DJ da casa, entrando na cabine sem pedir licença, deixando o casaco atrás do balcão, ganhando algumas cervejas da quota dele. Como foi no sábado, ele também era um bálsamo na noite, quando o público estava chato ou eu não conhecia ninguém. Fazia-me rir com qualquer assunto e ainda contava as últimas fofocas (sempre bem informado).

Se já estou me sentindo por fora dos ritmos de la noche, com a ida do Machuca, vou perder mais que um amigo que conseguia ser engraçado mesmo com o barulho da caixa de som bem ao lado. Vou perder minha referência na noite. E Porto Alegre, essa cidade quase abandonada, perde seu Fito Paez indie, o estilo mais imitado dos últimos tempos, um ícone do que por aqui se chama underground.

andreis_avatar*L’Andreis escreveu este texto para ter uma música dedicada a ela na despedida do Gabriel e viabilizar estadia grátis em Londres. Acredita que o amigo vai virar hype por lá também. Já ela segue sendo amiga íntima dos phinos aqui toda a quinta e no twitter todos os dias @carolandreis.

3 Comentários

Arquivado em festas phinas, L’Andreis

3 Respostas para “London blue skyes calling

  1. Onde dançaremos Machuca amanhã?

    Besos

  2. nandaobregon

    a volta do machuca pra londres é o fim de uma era.

    é como a formatura do kevin arnold.
    é quarta-feira de cinzas.

    o cabaret não é mais o mesmo.
    eu não sou mais a mesma. (e pra tu ver: nem estarei em poa para a despedida do machuca)
    aliás, muita coisa mudou.

    é tipo malhação quando se tornou múltipla escolha. pode até ter algo de semelhante, mas não é a mesma coisa.

    aiai
    :~

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s