Há vaga (don’t talk, just kiss)

e agora, José?

e agora, José?

Por Rafa*

Se sexo faz bem pra pele, como diz o estudo, eu faço. Claro que este não é o único motivo para praticar, vocês bem sabem, phinos amados, mas, com certeza, é algo a se considerar.

E como se consegue sex? Se jogando na boate linda, freqüentando a sauna ou adquirindo um namorado/marido.

Então, começam os meus problemas: não sou casado nem namoro, não freqüento saunas por causa da higiene (mentira, é por causa da minha educação cristã, mas dá no mesmo) e boate me cansa. Exemplo: sexta passada, em Porto Alegre, fui a três baladas, perdi muitos pontos na escala da dignidade e cheguei em casa de mãos abanando. Achei bem cansativo, e minhas roupas ficaram fedendo. Ninguém valorizou a minha produção, e me deprimi um pouco, confesso.

A solução encontrada por pessoas que têm dilemas de vida parecidos com os meus é arrumar um bofe somente para a prática. Então, vamos ao ponto a que quero chegar e ao grande tema da coluna de hoje: o “bud fucker”.

Há dois tipos, segundo pesquisas feitas nas últimas semanas: o PA (p… amigo) e o PF (p… fixo).

1) PA

O PA é uma espécie de namorado que não deu certo. Foi bom no começo, ele te fez muito feliz, afinal, você só precisava mesmo de um pouco de diversão. Mas tu e ele não combinam ao ponto de tu levar o bofe naquela festa bafônica que abre a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo no mês que vem ou a uma première no Odeon no Festival do Rio. Seria muito desperdício. Melhor ir sozinha e tentar catar o Rodrigo Santoro.

Tu gosta dele, ele tá ali sempre disponível e é gostoso, então vocês fingem que tá tudo bem e se encontram de vez em quando. O problema do PA é o “A” mesmo. Tem que fazer programa de amigo com ele pra poder levar o “sex” de brinde.

E dá-lhe barzinho com papo chato. Cineminha sem vontade. Essas coisas que nem sempre compensam.

Nunca tive um PA e não sei se conseguiria ter um. Mas quando o assunto é PF…

2) PF

O PF você conheceu na balada. Rolou aquela química e deu supercerto. O sex foi inesquecível. Você nem lembra muito sobre o que conversaram naquela noite, afinal, não importa. Porque ele preenche todos os requisitos que fazem dele um bom motivo para não ver um filme clássico ou a sua série de TV favorita numa noite fria de quinta sozinho (PFs raramente aparecem no final de semana). Vale gastar seu tempo (caro e precioso) com ele, pois o bofe tem:

– um belo corpo;
– um bom cheiro;
– malemolência durante o ato;
– approach firme e pegada;
– roupa íntima de qualidade;
– compromissos inadiáveis na manhã seguinte (um bom PF sempre acorda cedo e nunca dorme contigo, gatinha).

Ed. era o meu PF. Pouco sei de sua vida: é produtor de cinema e tem 28 anos, além de todos os requisitos acima mencionados. Desconheço lugares que freqüenta, não faço idéia de como é sua família e quem são seus amigos. Não me interessa, definitvamente, se os colegas de trabalho dele são legais.

Muitas vezes, Ed. elogiou o meu gosto musical, revelado durante o ato (nada de romantismo, gurias, na hora de escolher a trilha para passar a noite com o PF, pelamor), e olhou com gosto para a minha coleção de CDs. Mas nunca fez perguntas difíceis ou que pudessem revelar algo da minha intimidade.

Toda vez que me deixava sozinho em casa (que bom!), antes de partir para o seu lar, dava uma boa olhada nos meus DVDs, e eu sentia que batia uma vontade louca de conversar comigo sobre filmes. O moço nunca se atreveu, com razão.

Vai que ele abrisse a boca e começasse a falar merda? Perderia o tesão na hora e estava dada a deixa para um “adeus” a tudo de bom e maravilhoso que ele me oferecia. Eu também nunca falei muito sobre mim. Ele nem sonha que escrevo para um blog. Que me visto bem. Nem sou bobo de confirmar pra ele o meu bom gosto musical e cinematográfico. Melhor deixar o mistério no ar. Mais vale um PF na mão do que…

Mas todas as certezas acima descritas acabaram na semana passada, quando Ed. me deu uma notícia que me deixou arrasado por uma semana: ele está namorando e não pode mais me encontrar. Acabou o sex.

Quando falei com ele, vi que Ed. estava um pouco frágil (pra não dizer triste), afinal, nós tínhamos uma relação. Complexa, diga-se de passagem. Com regras claras. E jogávamos bem aquele jogo.

Eu, que sou quem mais perde com o seu novo estado civil, insisti para que rolasse um derradeiro encontro entre a gente. Se vingasse, diria pra Ed. o quanto era bom estar com ele e até, de repente, convidaria ele para uma cerveja, bater um papo.

Mas ele foi mais forte que eu e disse não: “dessa vez é sério”.

Então, se tu me ver dando pinta por aí, lindo, não estranhe e sinta-se à vontade para mostrar o seu currículo. Porque há vaga.

rafa_avatar*Rafa perdeu o PF, mas não perdeu a classe nem o bom humor. Escreve aqui às segundas, mesmo em abstinência sexual; nos outros dias, seleciona candidatos e faz entrevistas.

13 Comentários

Arquivado em decisão com PH, fora phino, Rafa, relaçã? sã?, sentimentos phinos

13 Respostas para “Há vaga (don’t talk, just kiss)

  1. Cabeda

    Ahhhhhhh, vai dizer que não tava divertido la na Champanharia ( olha que nome PÉSSIMO para um lugar ) !!!

    meu lado megalomaníaco e ególatra sentiu uma ponta de frustração pelo happy late hour não ter recebido uma citação mais honrosa no devido post.

    e tenho dito

  2. Ge

    Respondendo com timing exato……pudera, mas digo, quem perdem são os pfs, tu tava podi sábado. Saudades já. Bjs.

  3. Ai como sinto falta dos meus PFs, PAs e demais Ps. Fato é que, mais cedo ou mais tarde, eles voltam.

  4. Caroline Andreis

    Lisi: tudo verdade. e pior é que tem vezes que voltam e ficam (vide Mr. Big).

    sabe que eu ando tão por fora que demorei pra entender o p.

  5. Hummm, confissão a fazer. Leio os teus textos aqui e sempre adoro, sorrio.
    Mas depois fico melancólica e aí adoro mais ainda.
    As coisas que todo mundo sente (além dos Ps) mas são tão difíceis de contar. Eu gosto.

  6. Di

    A-DO-REI!

    Perdemos muitos e muitos pontos na sexta, mas valeu a pena!

    =D

    Volte SEMPRE Rafa!

    A noite de Porto Alegre é nossa…

    😉

    Bom início de semana!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s