For all the single boys (with 30)

As solteiras se identificam e adoram, mas ela é casada

As solteiras se identificam e adoram, mas ela é casada

Por Rafa*

A bela Beyoncé girl cantou no sábado, e eu estava lá para conferir. Acho que fica bem mais fácil pra ela pagar de solteira com phinesse, já que é bem casada com o Jay-Z. Mas as solteiras e solteiros sabem que manter a classe na solidão não é das tarefas mais simples.

Os motivos são muitos, e grande parte deles, óbvia. Os solteiros de 30, pelos quais me interesso, já estão casados. Os que não estão despirocaram de vez –seres dessa espécime podem ser encontrados em qualquer boate de descamisados aos sábados à noite.

Adoro os jovens, mas já passei por tudo que eles ainda vão ter que passar, então não tá rolando com a mocidade. Fica meio difícil. Claro, sou megaexigente. Pra casar comigo, precisa de uma certa beleza, uma boa dose de humor, alguma perspicácia e um certo charme que o diferencie da multidão. (Nem tô pedindo muito, vai?) Encontrei alguns deles por aí nesses anos de vida. E, nas minhas escolhas, optei sempre pelos melhores. Nenhum quis me dar um anel.

Mas vamos analisar o passado. Se alguém quiser ajudar ou me dar uma dica, os comentários abaixo estão aí pra isso. Pode ser apenas uma palavra de apoio. Um pedido de casamento não iria mal também.

2006 / Buenos Aires – Colombiano Ricaço versus Argentino Empreendedor

Nas férias frias de 2006, quando fui curtir o inverno na capital portenha, conheci dois gatinhos. O colombiano estava lá, sempre presente. Conquistou meus amigos, elogiava o meu gingado brasileiro na buaty e era um sagaz observador. Quando saíamos para almoçar, ele prestava muita atenção nos meus pedidos. Diante das escolhas do brasileiro, preparava em sua casa no dia seguinte um prato suculento e melhor. Os objetivos, claro, phinos amados, vocês sabem. Mas no escurinho do cinema, em vez de curtir a Penélope de “Volver”, preferia ficar me dando beijinhos. Não achei legal.

Já o argentino era um sedutor latino de primeira. Me conquistou dizendo que tinha se “enamorado” e que meu sorriso era “muy lindo”. Os galanteios somados aos cachinhos do moço me deixaram apaixonado na hora. Em sua casa, nada de refeição exclusiva. O máximo que me ofereceu foi um pouco de chá na madrugada e me ensinou como pegar o metrô de volta para o hotel. O porteño não havia feito faculdade (coisa normal na Argentina) e recém tinha aberto uma loja que vendia velas e incensos. Achei total hippie charmoso.

Preferi o empreendedor, mas ele não quis saber de mim e não colocou um anel na minha mão. Peguei nojinho do colombiano e não casei na Argentina. #FAIL

2009 / Berlim – Mestrando Comunista da Ex-Berlim Oriental versus Capitalista Bem-Sucedido de Frankfurt

Berlim é a capital hype da Alemanha, mas é em Frankfurt que rola a grana no país germânico. É lá que estão as maiores multinacionais e de onde veio o bofe que conheci uma bela noite na capital daquele país, num barzinho frequentado por descolados capitalistas.

Bem-vestido, mas sem nenhum charme pessoal, o moço era bonito, educado e conhecia meio-mundo. Beijo perfeito, mas sem AQUELA pegada; sexo correto. Bom papo, mas limitado ao senso comum. Do tipo “eclético”, que sonha em morar em Manhattan.

Já num bar underground conheci um moço de camisa xadrez, charmoso, fumante e que bebia litros de cerveja. Após uns amassos calientes, me contou que fazia mestrado sobre cinema comunista. Me apresentou ao rap alemão. Me deu aula de história. Me levou a festas secretas, nas quais chegava sempre em sua bicicleta.

(pausa para suspiros)

Mas me abandou quando eu, num deslize capitalista, revelei o meu lado consumista e enlouqueci comprando roupas e tênis nas lojas da Adidas e da Puma. Sem cerimônias, me deixou sozinho cheio de sacolas na Alexanderplatz. Enquanto isso, o Capitalista Perfeitinho de Frankfurt me ligava de seu Blackberry e deixava recados fofos, aos quais nunca respondi. #FAIL

Porto Alegre / 2010 – Mais do Mesmo versus Surpresa Autêntica

Tem gente que gosta de rotina. Que precisa de horário e dia pra tudo. Que teme mudanças e odeia o inesperado. Se eu fosse um desses, teria ficado com o gatinho que jura conhecer os meus gostos. Que tem certeza que sabe onde pega mais na hora do sexo. Que procura dizer a coisa certa na hora apropriada.

Mas que infelizmente nunca aprendeu que eu gosto das surpresas.

Bom, a surpresa veio em forma de puro charme, elegância em uma camiseta branca da Gang, uma dança sensual, doses cavalares de bom-humor e muita, mas muita autenticidade. E que se contenta com “one-night-stand”. E que também não vai colocar um anel na minha mão. #FAIL

E ficamos por aqui. Sobre os casos de São Paulo, melhor deixar quieto.

E agora, como faz?

*Rafa tem 30 anos, 1,80m, 77kg, olhos cor de mel e cabelo castanho claro, meio loiro, meio ruivo. Pede ajuda e dá conselhos aqui, às segundas; nos outros dias, pede penico por aí, sempre com classe, e tenta não repetir os mesmos erros.

Mais sobre essa necessidade de amor aqui, com o Caio F.

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em lição de vida, Rafa, relaçã? sã?, sentimentos phinos, suplicando com phinesse

6 Respostas para “For all the single boys (with 30)

  1. vini

    as chagas do coração de balzac.

  2. vivi

    rafa, o chico já tinha explicado tudo isso aqui – http://letras.terra.com.br/chico-buarque/45180/

    uma hora junta todos num, tu vai ver =)

    (anyway, meu predileto foi o de camisa xadrez)

  3. e #comofas quando a gnt sai da cidade grande e se depara em outra cidade (gi)grande, pega uma pessoa de uma outra cidade grande ainda, vai pra festa e só vê gente estranha (pra não falar outro adjetivo bem pertinente) e depois ainda por cima volta pra casa com um amor platônico por uma camiseta rosa da frente do hotel?
    conclusão amorosa: #fail

  4. Di

    Rafa, falando de amor, sempre com bom humor!

    ADORO esses jovens jornalistas…

    😉

    Beijãoo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s