E se não tiver legal?

toda trabalhada pra flertar no baile

toda trabalhada pra flertar no baile

Por Rafa*

No supermercado, em frente a ameixas lindas, amiga gata diz pro bofe:

– Olhando pra essas ameixas lindas, dá até vontade de ser saudável… (abre um semisorriso, à espera de uma resposta)

(silêncio)

O flerte é uma arte. Uns nascem com o dom. Outros não; entre estes, eu, claro. Já tive meus momentos de superação, quando disse uma vez pro gatinho que, se ele fizesse de novo a “quebradinha” na dança, eu me apaixonava. Bola dentro.

Mas na maioria das vezes falo merda, erro, nunca sai como tem que sair, mesmo depois de ensaiar horas e horas. Tem uns que se dão bem no esporte, outros na escola, outros no jogo da conquista…

O mais doído é ser cantado e vir o galanteio errado. Tu tá lá, louco pra dizer um sim, e o cara diz merda.

– E aí, tudo bem?

– Melhor agora.

Sério, não dá, não consigo, não aceito.

Pior foi uma vez que eu tava lá, louco pra dar uns beijos e o gatinho manda SMS assim:

E AI, VAMOS TOMAR UM DRINQUE?

E eu lá sou homem de convidar pra tomar DRINQUE, EM CAIXA ALTA?

Enfim, hoje passei aqui só pra dizer que tá difícil. Ninguém mais coopera nesse mundo. Não sei até quando aguento ir pra buaty, sei lá, parece que as pessoas enfenharam e a idade começou a pesar mais e mais. O que se diz, como se chega?

Daí o jovem me ensina que não se chega mais. Que se beija direto, sem enrolação. E eu acredito. E tento. São 5h30 da madruga, já na famosa hora da chepa, e vislumbro um gatinho. Mas estou cansado, minha cara deve estar péssima, mas, vamos lá, seguir os conselhos da juventude.

E começo a beijar o gatinho sem nenhuma comunicação inicial. Só que está não-bom, o beijo não encaixa. Ele se afasta dois passos pra trás e me diz, sem rodeios:

– Não tá legal.

Juro e repito, ele proferiu as seguintes palavras, com uma carinha de nojo pra mim: – Não tá legal. E desaparece.

Enfim, no meu tempo, a gente inventava uma desculpa e ia no banheiro, fingia que ia pegar uma bebida e não voltava mais. Então é essa a vida melhor que nos prometeram, “sem a hipocrisia que insiste em nos rodear”?

Vai, me colore que tô bege.

*Rafa segue na luta aqui, às segundas, e tenta não desistir por aí, nos outros dias.

2 Comentários

Arquivado em avisei que era bafona, festas phinas, fora phino, Rafa, sentimentos phinos

2 Respostas para “E se não tiver legal?

  1. pois é… agora imagina o que nós mulheres passamos na night. As cantadas estão cada vez piores. Isso quando tem. Porque dependendo da frequência do local, não tem conversa. Os caras já chegam agarrando no estilo “sou machão, não preciso da sua permissão,sou homem das cavernas e pego quem eu quero” mesmo.
    Cadê aquele papo cheio de segundas intenções, o prazer de conquistar ou ser conquistado?A coisa está tão direta que não dá nem pra fazer um charminho. Agora é “quer ou não quer” assim, na lata. Tirou um pouco da graça.
    Muito chato,isso.
    Ou sou eu que já estou ficando velha?

  2. eu sei, eu devia entrar aqui pra te dar um incentivo, mas só o que consigo pensar é “ainda bem que eu saí do livre mercado faz tempo”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s